sexta-feira, 12 de maio de 2017

Túbaros

Prato normal no Algarve, Alentejo e Ribatejo que se faz com testículos de animais, como porco, boi, ou borrego. (há países que também utilizam de galo e de cavalo)
Nos Açores é normal confecionarem os de boi.
Para os sépticos, não importa que túbaros são. No fundo, são testículos cozinhados e é o suficiente para provocar aversão. Não sabem o que perdem.
Os túbaros podem servir como refeição ou como petisco.
Pensa-se que o nome "túbaros" lhe foi atribuído como uma função comercial, já que ninguém comeria um prato com o nome verdadeiro de testículo. Túbaro resulta, há quem escolha túbaros sem fazer ideia do que come.
Já aconteceu comerem túbaros em minha casa sem saberem o que é, adorarem e no fim ficarem com aquela cara de fazer rir ao dizer-lhes o que acabaram de comer. Tenho uma sobrinha que só lhe contei no dia seguinte…queria ir vomitar o que tinha comido no dia anterior.
A origem do nome, não é consensual. Mais consensual é este prato ter origens em bases afrodisíacas.
Não é um petisco fácil encontrar nos restaurantes. Para norte do rio Tejo não encontram, e mesmo para sul só os servem por encomenda. O uso dos testículos de animais como refeição é uma tradição que existe também, com muita força, no sul de Espanha. Em alguns países da América Latina também se cozinha.
Antigamente quando chegava a hora de os cozinhar era uma complicação.
Eram escaldados para lhes tirar a pele, eram deixados de molho em água quente, eram cortados de maneira rigorosa antes de serem cozinhados, cortados depois de serem cozinhados, voltavam a ser cozinhados etc. etc…era uma verdadeira cerimónia e só algumas pessoas eram escolhidas para o fazer…porque os outros não o sabiam fazer… e vão lá dizer aos antigos que se podem cozinhar de outras maneiras…




Eu compro-os no talho e começo logo por cortar as regras do antigamente.
Começo logo por pedir que lhes tirem a pele e os cortem em fatias. (aqui no Alentejo normalmente cortam em cubos)
Em casa começo por os deixar algumas horas em água com sal e vinagre.
Depois faço uma marinada que pode variar de quem os vai comer.
Se for para enganar…o melhor é fazer uma com vinho carrascão. (passa por rins)
A que gosto mais é muito simples. Tempero com alho, louro, pimenta preta, sal e rego com sumo de limão. Deixo assim algumas horas e depois é só cozinhar.

Deixo três receitas para cozinhar os túbaros, gostosas e simples de fazer.



Túbaros grelhados

Túbaros previamente cortados e temperados como  q.b.
Cebola picada q.b.
Salsa picada q.b.
Azeite q.b.
Vinagre q.b.

Grelhe os túbaros, corte em pequenos bocados e regue com um molho feito com cebola picada, salsa picada, azeite e vinagre. Se gostar pode adicionar alho picado e um picante a gosto.




Túbaros fritos com molho de mostarda

Túbaros previamente cortados e temperados  q.b.
Manteiga e azeite para fritar q.b.
Mostarda a gosto
Leite ou natas q.b.

Frite os túbaros em manteiga e azeite.
Quando estiverem quase fritos, adicione a mostarda e o leite e deixe apurar a seu gosto.
Costumo acompanhar com batatas cozidas ou fritas e salada como refeição principal.



Túbaros panados

Túbaros previamente cortados e temperados q.b.
Óleo para fritar q.b.
Ovo batido q.b.
Farinha q.b.
Farinha com pão ralado q.b.

Passe os túbaros por farinha, passe de seguida por ovo batido e novamente passe por farinha misturada com pão ralado. Leve a fritar em óleo quente.
Depois de fritos, deixe que escorram antes de servir.

Eu acompanhei com arroz e salada.

Sem comentários: